21 de abril 2020

Depois do ecoponto, há a triagem!

Papel no azul, plástico e metal no amarelo, vidro no verde. Provavelmente, já faz esta separação quase em modo de piloto-automático. No entanto, será que sabe o que acontece aos resíduos que separa diariamente em sua casa depois de colocados no ecoponto? Explicamos-lhe tudo!

Assim que coloca os resíduos no ecoponto correto, o seu trabalho está feito! O próximo passo é dado pelas câmaras ou sistemas municipais, que são as empresas que se dedicam à gestão e recolha dos ecopontos. Está na hora da triagem!

Os materiais são transportados, em separado, em viaturas até às estações de triagem de resíduos disponíveis em todo o país. Quando chegam, o passo seguinte é a seleção dos materiais que podem seguir para a reciclagem e dos que têm como destino outra forma de tratamento ou eliminação. Este processo é executado em tapetes rolantes, com recurso a máquinas ou manualmente, sendo que é feito em quatro etapas: a abertura dos sacos, a pré-triagem, a separação ótica e, por fim, o controlo de qualidade.

Simplificando um pouco, a triagem não é nada mais nada menos do que a separação de resíduos por categorias. Pode vê-lo como uma espécie de casting para os materiais que separou. No entanto, há um material que tem “golden pass” para a reciclagem: o vidro. É que não está sujeito ao processo de triagem, porque é recolhido num contentor dedicado, só para embalagens de vidro.

A separação é bastante rigorosa. Por exemplo, os metais são separados em ferrosos (aço) e não ferrosos (alumínio) e os plásticos em diferentes famílias deste material, como é o caso do PET e do PEAD, habitualmente os mais conhecidos. A triagem acaba por conferir aos resíduos a qualidade necessária para que possam vir a ser reciclados.

No final do processo de seleção, os resíduos de embalagens são prensados, para ocuparem menos espaço, enfardados e enviados para as empresas que procedem à sua reciclagem, selecionadas pela Sociedade Ponto Verde.

notícia anterior

A literatura infantil está mais verde

próxima notícia

Em tempos de Covid-19, há resíduos e resíduos…

Copyright, Academia Ponto Verde